Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Quiosque do Ken

AS GRANDES IDEIAS TÊM COR!

Não é segredo para ninguém que trabalho [na maioria das vezes] a partir de casa! Tem vantagens e desvantagens, aliás já as enumerei todas por aquiMontar um escritório em casa - para mim que estava habituado a ter todos os recursos e mais algum à mão de semear - não foi tarefa fácil.
No meu caso foi um processo de conquista quase diário. Foi um working progress que durou mais ou menos 1 ano até que tudo ficasse impecável.
Neste processo em que tudo pesa, nomeadamente os gastos que temos com consumivéis, estive tentado muito vezes a substituir os meus tinteiros HP por outros de marca branca. ACABEI POR NUNCA O FAZER. E porquê? PORQUE AS GRANDES E BOAS IDEIAS TÊM SEMPRE MILHARES DE CORES! E essas gosto de as imprimir, de as guardar e de as ler vezes sem conta! ATÉ PORQUE NUNCA SEI QUANDO TEREI UMA PRÓXIMA (ah ah ah).
Com o tempo e com a idade (o raio do peso da idade) vamos ficando cada vez mais exigentes com tudo. E a qualidade das impressões - sobretudo para mim, que gosto de imprimir fotografias e postais (os de natal, da Páscoa, de aniversário, fotos do instagram...etc) tem de ser TOP. E isso só se consegue com tinteiros originais. NÃO VALE A PENA! No fundo temos de nos manter fiéis ao original. Até porque 70% da tecnologia de uma impressora está nos tinteiros e contra isso não há nada a fazer! Para além disso não esta questão das cores é como as ideias, têm um tempo de pesquisa, conquista e apuramento brutal: a HP demora cerca de 3 anos a aperfeiçoar uma cor - é obra! E este trabalho de investigação tem os seus resultados e tem de ser valorizado!
Posto isto e com tudo a postos...o meu cérebro vibrante aguarda novas e coloridas ideias!
O Quiosque do Ken está também no FACEBOOK e INSTAGRAM.

VOLTANDO AO TEMA DAS ARRUMAÇÕES

Ainda voltando ao tema de ontem...o das arrumações e porque arrumar e organizar tem coisas boas e más partilho hoje uma série de dicas / regras que normalmente uso quando me dedico a esta matéria.

A saber:

um dos meus defeitos, que é ao mesmo tempo uma qualidade, prende-se com a organização e com os detalhes. Sou obsessivo ao ponto de massacrar a cabeça a quem estiver por perto se alguma coisa me corre mal.

Ou, se por exemplo, preciso de algo para completar a arrumação...e esse algo não está por perto.

Assim e porque ninguém merece levar com o meu humor, desta vez antes de começar a arrumar preparei um pequeno kit:

# 1 DESUMIDIFICADORES INODOROS:



Nestas coisas mais vale prevenir que remediar. E por isso tenho uma caixinha destas em cada roupeiro. Ela fica lá a um cantinho despercebida, nem dou por ela. Não deita cheiro, não chateia e absorve a humidade que possa eventualmente surgir. São desumidificadores e só se compram uma vez. Depois há recargas de marca branca no AKI, por exemplo, a 1.70 euros cada.

# 2 ALFAZEMA



{ Chá de Alfazema }


{ Saco de Organza }



Esta é uma regra simples. Home Made...que substitui as saquetas da RAID anti-traça. Simples. Enchem-se pequenos sacos de organza com chá de alfazema.

Os sacos encontram-se numa daquelas lojas dos Chineses e uma meia duzia custa mais ou menos 1 euro.  O chá de alfazema pode ser comprado em qualquer loja do tipo "celeiro".

Depois é só espalhar por gavetas e cabides. Infalível.


# 3 FOTOGRAFAR SAPATOS

Tenho os meus sapatos, a maioria, arrumados em caixas. Normalmente nas embalagens originais. Já há muito que andava a prometer a mim mesmo uma organização mais eficaz e sensata.

Se por um lado, o facto de manter os sapatos, ténis, botas, havaianas, chinelos dentro de caixas, os conserva melhor, por outro também me deixa num puzzle quebra cabeças sempre que quero saber onde está "aquele par" que me apetece calçar.

Assim, desta vez fotografei tudo. Fotografei com o telemóvel. Imprimi, recortei e colei nas caixas.

Claro que poderia ter comprado daquelas caixas transparentes, próprias para sapatos. Mas dado o número elevado de pares que fui coleccionando ao longo dos anos (desde que estabilizei o crescimento do pé) o investimento era demasiado elevado.

# 4 SALVAGUARDAR OS SAPATOS DA HUMIDADE

Ainda falando de sapatos. Não é à toa que a maioria das coisas que compramos vem com caixinhas de "sílica" dentro. É porque quer queiramos quer não, a humidade está sempre à espreita, normalmente  da melhor oportunidade para nos lixar uma peça.. Assim e como mais uma vez o seguro morreu de velho, utilizei o mesmo esquema da Alfazema...mas com arroz.

A regra é a mesma, mas em vez de enchermos os sacos com alfazema, enchemos com grãos de arroz -  absorvente natural da humidade. Um saco destes em cada caixa é suficiente para os manter livre de fungos e bolor. 

Ainda pensei encher com sílica, daquela que se compra para os gatos....mas...como não tenho a certeza se o efeito é o mesmo....deixei a experiência para as próximas arrumações.

# 5 PROTEGER FATOS E SOBRETUDOS

Depois de regressarem da lavandaria gosto de colocar os fatos, casacos e sobretudos dentro de capas deste género:







Ficam mais protegidos quer da humidade, quer do pó.

Só tenho uma exigência. Têm de ser todas iguais. Não gosto de abrir o roupeiro e olhar para um arco-iris. Faz-me espécie. Esta é de uma linha nova da Moviflor a Motif. É barato e eficaz, que é o que se quer nestas coisas.

Para além disto e para rematar forrei as gavetas com o papel da Gianna Rose, que descobri este ano, e finalizei a coisa...pelo menos por esta estação.

Este é um processo que dá imenso trabalho, mas é dos processos que mais satisfação me dá. É uma espécie de terapia que me ajuda a organizar as ideias.

Vale a pena o esforço.


P.S. Estava a escrever isto e a pensar: devo ter visto demasiados programas da Martha Stewart em criança...de certeza!

É por estas e por outras que os miúdos não deviam ver TV.




O Quiosque do Ken está também no FACEBOOK e INSTAGRAM.